veja como foi o ciclo de:

Natal/RN

 29/08/2013

 

  Certificados

Problemas com o Certificado? Fale conosco.
 

Seminário em Natal apresenta oportunidades do comércio eletrônico

 fotos

 

Natal, capital do Rio Grande do Norte, tem um litoral privilegiado, com belas praias e lugares fantásticos. A cidade recebe anualmente milhares de turistas de todas as partes do Brasil e do mundo. Porém, a crescente demanda por produtos e serviços está longe de ser totalmente atendida, o que reserva boas oportunidades de negócios para empreendedores, individuais ou empresas, que atuam na Região Metropolitana. O comércio eletrônico é um dos setores que deve crescer significativamente nos próximos anos. Isso ficou demonstrado pelo forte interesse dos participantes do seminário do Ciclo MPE.net, Comércio Eletrônico para Micro, Pequena e Média Empresa, relizado no dia 29/8, no Hotel Praiamar Natal.

O seminário do Ciclo MPE.net é uma iniciativa da Câmara Brasileira de Comércio Eletrônico – Camara-e.net voltada especialmente aos micro e pequenos empresários. Cerca de 120 pessoas assitiram às palestras sobre temas ligados à infraestrura, operação e marketing do e-commerce. A abertura do evento teve a participação do diretor regional dos Correios, José Alberto Brito, que destacou a importância que o comércio eletrônico vem ganhando no conjunto das operacões da empresa. Segundo Brito, é curioso observar que o comércio pela internet, visto há alguns anos como um segmento concorrente, é atualmente uma das principais frentes de investimentos dos Correios.
No Rio Grande do Norte existem diversas possibilidades para quem deseja investir recursos em um novo negócio e aproveitar as lacunas existentes nos mercados local e regional. Segundo estudo feito pelo Sebrae/RN junto a consumidores de Natal (turistas, moradores e empresas), existem necessidades da população em geral que ainda não são supridas na cidade. A análise inidica boas possibilidades de negócios em diversos segmentos como o de farmácia, cosméticos e perfumaria, modas & acessórios, especialmente confecção e calçados e de alimentos. No Nordeste, em 2012, as microempresas foram responsáveis por mais de 90% dos empregos gerados, situação semelhante à observada no RN.

O setor têxtil de vestuário e artefatos de tecidos é o mais importante na indústria de transformação com forte participação na geração de empregos no Rio Grande do Norte. As cidades do Estado com os maiores PIBs per capita têm atividades ligadas à extração de petróleo e gás. Três municípios destacam-se: Mossoró, Macau e Alto do Rodrigues. O Rio Grande do Norte é hoje uma das principais potências brasileiras no que se refere à exploração de petróleo em terra. Em razão disso, a receita dos royalties assume posição relevante para a política fiscal e o desenvolvimento econômico do Estado e de seus municípios, com efeitos positivos sobre a renda e o consumo da sua populacão.


Diana Silva de Azevedo(dir), ganhadora do e-Reader Kobo, com Juliana Ribeiro(esq), palestrante do PagSeguro do UOL.

O seminário do Ciclo MPE.net em Natal foi uma excelente oportunidade para discutir as potencialidades do Estado para fomentar novos negócios na internet. O evento foi encerrado com uma série de sorteios. A participante Wanessa Marie de brito ganhou um notebook e Piana Silva de Azevedo levou um leitor de livros digitais Kobo.


Wanessa Marie de Brito(esq), ganhadora do Notebook sorteado no Ciclo MPE.net de Natal/RN, com Juliana Cota(dir), palestrante da Goomark.

ver o album
QUANDO FOI:

29/08/2013

ONDE:

Praia Mar Natal Hotel & Convention

Parceiros:
Braspag
GS1 Brasil
Loja Integrada
Xtech Commerce
Apoio:
MercadoLivre
Sebrae