veja como foi o ciclo de:

São Paulo/SP

 29/03/2012

 

  Certificados

Problemas com o Certificado? Fale conosco.
 

E-commerce mais acessível

 fotos

 

O primeiro encontro de 2012 do Ciclo MPE.Net, da Câmara Brasileira de Comércio Eletrônico (camara-e.net), realizado ontem em São Paulo, trouxe novidades para os micro e pequenos e-empreendedores que já têm ou planejam abrir negócios pela internet.  

Com abertura do diretor e professor da Fundação Getúlio Vargas (FGV), Yoshiaki Nakano, o evento teve anúncio de duas parcerias com a Câmara. Uma para a formação de um Centro de Estudos em Economia Digital, e outra com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), para difundir o Cartão BNDES no setor, considerado “estratégico” para o banco.

A linha de financiamento, que já tem R$ 25 bilhões em crédito pré-aprovado, segundo o gerente do departamento de operações de internet do BNDES, Victor Hugo J.Ribeiro, será voltada para investimentos em softwares, certificação e licenças para os micro e pequenos empreendedores (MPEs) operarem no mundo virtual. 

Em 2011, foram financiadas mais de 500 mil operações pelo cartão BNDES, sendo que parte significativa foi destinada aos MPEs virtuais. “O objetivo é (o banco de fomento) financiar o que for necessário para iniciar ou modernizar o negócio nesse segmento, que é prioridade.” 

Já a Certisign, fornecedora de certificação digital líder de mercado, anunciou também, em primeira mão, no encontro, o lançamento da campanha “Mamadeira”, que oferece 60% de desconto na primeira certificação para novos microempreendedores virtuais, a partir de 10 de abril. “A ideia é aculturar no e-commerce os 3 milhões de sites novos que estão entrando no segmento”, disse a diretora comercial Regina Salles Tupinambá. 

Outras empresas especializadas orientaram os atuais e futuros microempreendedores virtuais que se reuniram no Ciclo MPE.Net. Entre elas, os Correios, exemplo de inovação e adaptação ao oferecer soluções logísticas eficientes voltadas para o e-commerce. “Só em 2011, foram 17 milhões de encomendas entregues (para comércio eletrônico)”, disse o responsável pelo departamento comercial de encomenda dos correios Ricardo Fogos.  

Já o Sebrae, representado por Gerson Rolim, da camara-e.net, orientou os participantes sobre o uso de sua ferramenta “Click Marketing”, para elaborar planos de web marketing. Outros parceiros, como a Microsoft, UOL Host, Pag Seguro, OLX e MercadoLivre também deram dicas sobre inovação, meios de pagamento, redes sociais e marketing. 

De acordo com a camara-e.net, desde 2004, mais de 25 mil microempreendedores passaram pelos Ciclos MPE. Net realizados em todo o Brasil. Em 2011, dos 230 entrevistados em pesquisa espontânea realizada pela Câmara, 25% dos participantes informaram interesse em abrir empreendimentos virtuais – que representou 57 novos e-negócios. 

“Nossa perspectiva, com parcerias como a do BNDES, por exemplo, é fazer a ponte para incrementar novos negócios online. O comércio eletrônico hoje (que deve crescer 25% este ano ante 2011) – é o esteio para construção da competitividade – principalmente para os empresários novos”, destacou o presidente da Câmara Ludovino Lopes.

ver o album
QUANDO FOI:

29/03/2012

ONDE:

Auditório Fundação Getúlio Vargas - FGV

Parceiros:
Braspag
GS1 Brasil
Loja Integrada
Xtech Commerce
Apoio:
MercadoLivre
Sebrae